• Orquestra de Câmara da Fames se apresenta na próxima quarta-feira (01)

    Publicado em: 27/10/2006 17:07
    "Na próxima quarta-feira (01), a Orquestra de Câmara Vera Camargo da Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames) se apresenta, às 18h30, no Auditório Alceu Camargo. Do programa constam obras de Mozart, Neruda e Bach. A entrada franca. Sob a regência do maestro Modesto Flávio, e tendo como solistas da noite a soprano Katya Oliveira e o trompetista Antônio Marcos Cardoso, a Orquestra de Câmara faz sua penúltima apresentação deste ano. O programa: - Mozart, W. A, Sinfonia No.1, KV 16, em Mi bemol Maior - Neruda, J. K. J., Concerto para trompete e orquestra em Mi bemol Maior - Bach, J. S., Cantata para soprano, trompete e orquestra ""Jauchzet gott in Allen landen"" A Orquestra de Câmera Vera Camargo é um conjunto acadêmico formado por professores e alunos do curso de graduação da FAMES. Seu principal objetivo é pedagógico possibilitando o desenvolver de atividades de prática de conjunto para os alunos do curso de graduação que estudam um instrumento de orquestra. Também é objetivo deste conjunto trabalhar junto com as classes de composição e regência funcionando como um laboratório para ambas. Você sabia? Segundo o glossário da Orquestra Sinfônica Brasileira, uma orquestra de câmara se caracteriza por ter dimensões reduzidas, geralmente formada por instrumentos de cordas. Ou seja, a principal diferença é o tamanho: é um conjunto bem menor e costuma ter, na maioria dos casos, entre oito e 18 músicos. Abaixo disso, o conjunto já passa a ser chamado de septeto, sexteto, quinteto e assim por diante. Todas essas formações executam a chamada ""música de câmara"" - no caso, a palavra ""câmara"" é sinônimo de ""sala, quarto ou aposento pequeno"", é um tipo de música erudita para pequenos espaços, executada por poucos músicos. (fonte: http://mundoestranho.abril.uol.com.br, http://www.osb.com.br) "
    Compartilhar